Terraplenagem Net

O portal da terraplenagem

Caterpillar 941Pás-carregadeiras de Esteiras no Brasil

Quem está no ramo de terraplenagem há algum tempo, com certeza já deve ter visto ao menos uma vez uma pá-carregadeira de esteiras e diga-se de passagem, se impressionado com o desempenho destas máquinas em tarefas de escavação, nivelamento e até carregamento de caminhões. Entre os anos de 1970 e 2000, antes da popularização das escavadeiras hidráulicas, as pá-carregadeiras de esteiras dominavam os canteiros de obras por sua produtividade 3 ou 4 vezes maior em relação às retroescavadeiras e por serem muito mais versáteis do que máquinas similares, também de esteiras, como os tratores de lâmina, que só espalhavam terra ou nivelavam o terreno, não sendo capazes de escavar, criar taludes, carregar caminhões basculantes, entre outros trabalhos.

Os modelos mais populares de pá-carregadeiras utilizados no Brasil eram da marca Caterpillar, como a 931, 933, 941, 951 e 955, que tiveram variações com o passar do tempo, como a 941A e depois a 941B, a 955H, 955K e 955L. Dentre todas as pá-carregadeiras de esteiras trazidas ao Brasil, as que mais fizeram sucesso e são utilizadas até os dias atuais são a Caterpillar 941A, 941B e 955L, inclusive com suporte por parte dos fabricantes, que ainda vendem peças novas para estes modelos, embora tenham deixado de ser comercializados no país há cerca de 30 anos. Neste artigo, vamos falar sobre a mais popular delas, a pá-carregadeira de esteiras Caterpillar 941A / 941B, com 8,900 kg a 11.200kg de peso operacional e motor de 4 cilindros em linha Caterpillar 3304 de 80 HP de potência líquida.

Caterpillar 941

Pois é, no Brasil as pá-carregadeiras de esteiras foram, durante muitos anos, um dos tipos de máquinas mais utilizadas na terraplenagem, sendo consideradas fundamentais para muitas escavações e demolições mecanizadas. Embora objeto de desejo dos empresários de terraplenagem, as pá-carregadeiras de esteiras eram máquinas importadas, fabricadas nos Estados Unidos, Alemanha e Japão, o que tornava o custo de propriedade / aquisição relativamente elevado se comparado à máquinas produzidas nacionalmente.Caterpillar 941A com cabine fechada

Os pontos positivos das pá-carregadeiras de esteiras Caterpillar 941 sempre foram sua força de desagregação elevada, obtidas através de um sistema hidráulico muito forte e das esteiras que proporcionavam maior aderência ao solo, se comparada às pá-carregadeiras de pneus. Seu reduzido tamanho e raio de manobra, além da enorme estabilidade e durabilidade, a fizeram campeã de vendas na época em que foram comercializadas.

O ponto negativo da máquina, não só deste modelo mas de todas as máquinas sobre esteiras, era exatamente o custo de manutenção de sua parte rodante, como esteiras (corrente, sapatas, pinos e buchas), roletes e rodas de guia e motriz. É claro que para sua época, mesmo com os custos elevados de manutenção, era compensador tanto para empresários quanto para clientes utilizar o equipamento, porém, com o advento das escavadeiras hidráulicas, que apesar de possuírem esteiras trabalham sem movimentar sua parte rodante por longos períodos, consequentemente diminuindo drasticamente seu desgaste, a utilização de pá-carregadeiras de esteiras passou a ser exclusiva para tarefas onde escavadeiras não possam ser utilizadas, devido principalmente à restrição de espaço.

Motor Caterpillar 3304Motor

A pá-carregadeira sobre esteiras Caterpillar 941 utiliza motor Diesel de 4 cilindros Caterpillar 3304, aspirado, com capacidade volumétrica de 7 litros e potência líquida (no volante) de 80 HP a 2.000 RPM.

O motor Caterpillar 3304 é o mesmo utilizado em máquinas da marca da mesma época como o trator de lâmina sobre esteiras D4D e D4E, pá-carregadeiras sobre pneus 930, 930R e 930T (turbo), pá-carregadeiras de esteiras 951, 955H, 955K e 955L (turbo), claro, com possíveis alterações no sistema de injeção e admissão/escape.

Transmissão

A pá-carregadeira de esteiras Caterpillar 941 conta com 3 velocidades à frente e à ré, atingindo a velocidade máxima de 11,1km/h. A transmissão não possui conjunto de câmbio e embreagem, ao contrário, é do tipo Power Shift, onde o operador apenas muda a alavanca de posição (1-2-3 à frente ou 1-2-3 à ré) e acelera o motor através de outra alavanca.

Para manobrar a pá-carregadeira sobre esteiras Caterpillar 941 o operador possui 3 pedais, sendo 2 laterais para direcionar / virar a máquina e 1 pedal central (maior) para freio de serviço. Este mesmo pedal de freio, acionado juntamente com uma pequena alavanca no assoalho próximo ao banco, serve para freio de estacionamento. Para manobras, basicamente, pressiona-se o pedal do lado para qual deseja virar a máquina e a esteira deste lado é freada.

O sistema de freio da máquina é do tipo “discos em banho de óleo” e é extremamente eficiente e prático, tanto para utilização em serviço quanto para estacionamento.

HidráulicoCaterpillar 941B no Brasil

O sistema hidráulico da pá-carregadeira sobre esteiras Caterpillar 941 é mantido por uma bomba de palhetas acoplada ao motor que lhe rendem 105 litros por minuto de vazão a uma pressão de 2.500 PSI. Aliado ao conjunto muito bem projetado de mangueiras e pistões, o sistema hidráulico desta pá-carregadeira sobre esteiras resultam em uma enorme força de desagregação (63.3kN) no ato de escavar e nivelar terrenos.

Seu sistema hidráulico ainda conta com autonivelamento da caçamba e subida automática do braço sem que seja necessário o operador manter-se acionando a alavanca.

Diferenças entre CAT 941A e CAT 941B

Com o passar dos anos várias modificações e melhorias foram implementadas no modelo Caterpillar 941. O número de modificações chegou a ser tão grande que o fabricante inclusive criou diferentes denominações para diferenciar os modelos mais antigos (941A) dos mais novos (941B), no entanto, ao entrevistar empresários, operadores e mecânicos que tiveram ou têm oportunidade de trabalhar com as pá-carregadeiras de esteiras Caterpillar 941, operacionalmente as diferenças foram poucas e nem tão expressivas, mas nota-se que: a CAT 941A é mais lenta do que a CAT 941B; a CAT 941A não possuía opção de cabine com certificação ROPS ao passo que a CAT 941B possuía; a bomba injetora era diferente; partes da transmissão foram “reforçadas” na 941B; entre outros itens.

Especificações e Dimensões

Dimensões Aproximadas
Comprimento com Caçamba no solo 4520 mm
Largura máxima (exterior das sapatas) 1980 mm
Altura até a cabine 2840 mm
Altura livre do solo 381 mm
Altura máxima de descarga 2590 mm
Alcance de descarga (dist. à frente) 1020 mm
Largura da bitola (centro das esteiras) 1520 mm
Especificações
Motor Caterpillar 3304
Potência Líquida 80 HP @ 2000 RPM
Capacidade Volumétrica 7 litros
Cilindros 4 cilindros
Operacional
Peso Operacional 11.294 kg
Tanque de Combustível 151 litros
Líquido de Arrefecimento 24,6 litros
Óleo de Motor 18,9 litros
Transmissão 9,5 litros
Sistema Hidráulico 72 litros
Capacidade de carregamento 7.180 kg
Força de desagregação 63.3 kN
Capacidade da caçamba padrão 1,0 m³
Sistema Elétrico 12 V
Velocidade de Deslocamento 11,1km/h (3° marcha)
Esteiras
Largura da sapata 33 cm
Sapatas por lado 38
Roletes por lado 5
Comprimento da esteira no solo 2,057 m
Área de contato com o solo 1,4 m²
Bitola 1,52 m
Hidráulico
Tipo de bomba Bomba de Palhetas
Fluxo da bomba 105 litros/min
Pressão da Válvula de Alívio 2.500 psi / 17.236,9 kPa
Tempo de levantamento 6,7 s
Tempo de tombamento 2,5 s
Tempo de descida 2,2 s

Fotos

Caterpillar 941A com cabine fechada Caterpillar 941B com cabine aberta Caterpillar 941B no Brasil Folheto da Caterpillar 941B Miniatura da Caterpillar 941A

Fonte: RitchieSpecs / Umarizal Locação e Terraplenagem

Share

31 respostas para Pá-carregadeira de Esteiras Caterpillar 941

  • Leandro Boa Tarde! Primeiramente parabéns pelo trabalho.
    Amigo estou com uma certa duvida. Precisarei fazer uma trabalho de destoca e derrubada de arvores leves (cerrado leve) e tomei gosto pela Cat 941, a minha pergunta é a seguinte: Existe a possibilidade de substituição da concha por uma garfo enleirador?

    • Leandro dos Santos

      Caro Fred, não acredito que você vá encontrar no mercado algo pronto para a Caterpillar 941, sendo necessário apenas retirar os pinos da caçamba para removê-la e já inserir qualquer outro implemento em seu lugar. No entanto, há a possibilidade de se acoplar inúmeros tipos de implementos e/ou acessórios à Caterpillar 941, desde que não requeiram conector hidráulico auxiliar, pois neste caso, talvez seria necessário verificar se existem saídas no comando e se a bomba teria a vazão necessária. Se precisar, conhecemos uma oficina em Embu das Artes que, tenho certeza, poderia atendê-lo no sentido de fazer qualquer adaptação de garfos enleiradores já prontos ou ainda, fabricar um de acordo com as suas necessidades especialmente para a Caterpillar 941.

  • Olá! Gostaria de uma informação: essas máquinas suportam arrancar tocos de médio porte?(eucaliptos e pinus). É que aqui na cidade onde moro tem uma para venda ( da massey 3366) e pensei que poderia ser vantagem em relação a um trator de esteira de lâmina que não da para suspender material. O serviço que tenho é só rural, nada de prestação de serviços. Grato pela atenção.

    • Leandro dos Santos

      Dá sim, meu pai já removeu raízes de eucalipto que após removidos eram quase do tamanho da caçamba de um caminhão trucado. Nestes casos, tem que fazer um buraco em toda a volta que chegava há 3 metros de profundidade e depois de removido, fazer um buraco para o caminhão entrar dentro e rolar ele para cima da caçamba do caminhão, pois era tão grande e pesado, que a máquina ao tentar levantá-lo empinava a traseira e o mesmo nem cabia na caçamba dela. Força ela tem sim e muita, só precisa ter operador bom… senão, não adianta ter máquina boa. Obrigado por participar 😉

      • Bem então é vantagem em relação a um trator de lâmina! só imagino que se deva ter mais cuidados. Vc tem conhecimento dessa máquina MF 3366 (com pá original)? obrigado pela atenção.

        • Leandro dos Santos

          A Caterpillar 941 você acha peça fácil tanto no paralelo (peças de reposição de boa qualidade) quanto nas concessionárias Caterpillar como Sotreq, por exemplo. Já essa MF 3366, apesar de parecer ser uma máquina ótima (parecida com a Caterpillar 955K) não sei se você vai achar peça de reposição…
          92171-120625-473917-trator-esteira-massey-fergun
          92171-120625-473915-trator-esteira-massey-fergun

  • Amigos, tenho uma Pá 941B que não está entrando em ponto morto, já troquei os terminais e tentei diversas posições dos engates sem sucesso.

  • leandro, como diferencia um 933 ou 931 do 941? e qual é a diferença do consumo por hora em litros do 941-B com 955-L?

    • Leandro dos Santos

      A 931 utilizada torque, igual a 941, porém, a 931 é menor que a 941. Já a 933 utiliza caixa de câmbio ao invés de torque e também é menor que a 941. Já quanto a diferença de consumo entre as 941 (941A ou 941B) e as 955L é o seguinte: As 941A / 941B consomem cerca de 16 litros por hora se estiverem em atividades extremas, como cortando e empurrando terra, visto que carregando caminhão ou espalhando terra solta, podem consumir menos. Já a 955L consome em média 20~23 litros por hora.

  • Olá Gostei do site. Estou reformando uma 955 com motor 7U. Tem alguma dica de onde encontrar peças para ela. Obrigado.

  • Amigo gostaria de informaçoes sobre a 941b ano 79 nas fotos que vi no seu site ela tem 3 pedais pra freiar e girar essa que estou querendo comprar e igual a um d4 tem 2 pedais e duas alavancas de giro sera que e original fico aguardando Abraços.

    • Leandro dos Santos

      Amigo, desculpa a demora… postei uma resposta a sua dúvida em seu tópico no nosso fórum, aqui: http://www.terraplenagem.net/forum/showthread.php?tid=189&pid=440#pid440

      Como disse, esta Caterpillar 941 que citou, com alavancas ao invés de pedais para virar a máquina para direita e esquerda, são camadas de “canela seca” e não são bem vistas no mercado. Eram versões com preços mais baixos geralmente utilizadas por prefeituras, onde geralmente não se exige produtividade.

      Diferente dos tratores de lâmina sobre esteiras como Caterpillar D4, D6, D8, etc… onde você só precisa ajustar a altura da lâmina (subir/descer), em pás-carregadeiras é um pouco mais complicado, pois você tem que acionar a alavanca de levantamento e a alavanca de tombamento (caçamba), além é claro, da alavanca do acelerador e da troca de marchas.

      Particularmente, não recomendo a compra, mas você é quem tem que decidir…

      Boa sorte!

  • Olá, adoro máquinas pesadas! Aqui na minha rua tinha uma terraplenagem que tinha 3 Cat’s 941B impecáveis! Não tive a oportunidade de aprender à operar uma, mas peguei um D8K pra manobrar.

  • Boa Noite…por favor entre em contato gostaria de mais informações sobre a maquina…

  • Tenho uma 941B, rodante, motor, bomba injetora, motor de partida e alternador novos, chocha e lamina, painel funcionando tudo, não fiz pintura.

  • OLá. Estou a procura de uma pá carregadeira de esteiras para trabalhar em uma fazenda no PR (COMPRA). Já ví muitas, mas nenhuma me interessou, todas muito judiadas, parece que os donos usam as máquinas ao máximo, e na hora de fazerem a manutenção, trocar os rodantes, etc, anunciam pra vender. Interesso em FL10, FL14, 941, 943, 955… Se alguém tiver ou souber de alguma, pode me contatar no lucaszoega@gmail.com

  • Boa Tarde!
    Estou negociando uma 941a.
    Gostaria de saber se alguem ja colocou escarificador nesse modelo?

    • Leandro

      Caro Gilberto, nunca vi aqui no Brasil uma Caterpillar 941 com escarificador. Lá fora existem algumas, principalmente nos EUA.

      Aqui uma Caterpillar 941B à venda no exterior, veja as fotos:
      Caterpillar 941B com cabine fechada e escarificador / ripper
      Caterpillar 941B com cabine fechada e escarificador / ripper
      Caterpillar 941B com cabine fechada e escarificador / ripper
      Caterpillar 941B com cabine fechada e escarificador / ripper
      Caterpillar 941B com cabine fechada e escarificador / ripper

  • Amigo gostei muito de v seus esclarecimento sobre pa CARREGADEIRA de esteiras, eu nuca tive uma e estou pensando em ADQUIRIR uma, pelo que vi a 941 a ou b é uma boa maquina,
    mas veja bem meu negocio é trabalhar quebrando capoeira, tenho um caminhão caçamba que posso utiliza-la. Fala ai to certo ou to errado com minha ideia, sou leigo no assunto sua resposta vai me ajudar a decidir. obrigado, fico aguardando sua resposta.

    • Leandro

      Amigo Sebastião, a 941 é uma ótima máquina, sendo a melhor opção entre todas as disponíveis no mercado. Claro, a 955L é excelente, mas seu custo é mais elevado (manutenção e abastecimento) e somente a real necessidade de uma produtividade maior faz jus ao investimento a ser feito.

      No seu caso, apenas para quebrar capoeira, o ideal seria uma máquina de lâmina como o D4, porém, não daria pra carregar seu caminhão. Se a área for muito grande, recomendo a utilização de um D4 ou D6 para ir arrancando a vegetação e juntando-a em alguns pontos e em conjunto, utilizar uma carregadeira como uma Caterpillar 930 ou Case W20 somente para fazer o carregamento.

      Se as áreas não forem tão grandes, pode utilizar apenas uma pá-carregadeira, ela faz a raspagem da vegetação e também carregaria seu caminhão, mas é preciso verificar o que é mais em conta para você, uma Caterpillar 941 de esteiras ou uma Caterpillar 930 de pneus. A Caterpillar 941 é excelente, mas o custo para reformar as esteiras é muito mais elevado do que trocar pneus de uma Cat 930, entende?

  • Olá caro amigo sou um dos apaixonados por carregadeira de esteira eu amo demais já tive 941A, 941B, 955K, FiatAllis FL10…….E meu sonho e ter uma 941B restaurada e adaptar o retro da Case 580H, será que dá certo, já tenho uma 941 em vista e o retro eu já tenho, caso tenha imformação sobre essa adaptação me imforme. Henrique.

    • Leandro

      Caro Henrique, obrigado por participar do nosso artigo sobre a Pá-carregadeira de Esteiras Caterpillar 941. Particularmente não recomendo que faça adaptações pois além de poder gastar muito dinheiro sem obter retorno ou resultados, ainda corre risco de acidentes, afinal, lembre-se que por trás de todo equipamento há um bom número de engenheiros e técnicos que realizam, além de projetos, inúmeros testes no equipamento antes de efetuar o lançamento do modelo ao público. Além do mais, adaptar um retro na trazeira de uma Caterpillar 941 a tornaria um tanto quanto desajeitada de trabalhar em lugares mais apertados e também de ser transportada. Fora isso, seria necessário “talvez” substituir a bomba de hidráulico, acrescentar reguladores de pressão, comando adicional, entre algumas outras medidas importantes, além do mais, ficaria difícil a longo prazo a obtenção de peças de reposição e no futuro, caso opte por vendê-la, poderia encontrar uma certa resistência de possível compradores pela dúvida de qual o êxito que teve nesta sua adaptação, condenando assim, uma máquina bem vista no mercado, que é a Caterpillar 941, a ter que encontrar o comprador certo, que normalmente demora demais.

  • Tenho uma empresa de disk entulho, tenho 1 pá carregadeira de pneus e penseI em comprar uma cat 955l, pois na minha cidade/regiaão ninguem tem. Todavia é uma maquina antiga, seria um bom investimento, teria utilidade? Será que ninguem tem porque o custo/benificio não compensa? Sera que vou ter dor de cabeça. Na minha idéia é uma maquina esquecida, e que tem muita utilidade. Será que estou certo? Ou será que é melhor investir em algo mais moderno?
    Agradeço a ajuda.

    • Leandro

      Seja bem-vindo e obrigado por participar caro José Claudimir.

      O que ocorre com as máquinas pá-carregadeiras de esteiras é que ficaram para trás em desempenho e custo de manutenção (elevado) se comparadas às escavadeiras hidráulicas. Enquanto uma escavadeira hidráulica de 15 toneladas carrega um caminhão em 5 minutos, uma pá-carregadeira de esteiras com o mesmo peso operacional (a Caterpillar 955L, por exemplo), demora um pouco mais e não tem o mesmo alcance.

      O fato é que as escavadeiras hidráulicas “trabalham paradas”, ou seja, dão o giro e trabalham com o braço e a lança sem movimentar a parte rodante, que é extremamente cara. Por isso, o custo horário de uma Caterpillar 315DL é mais barato do que de uma Caterpillar 955L, embora seja ainda mais produtiva.

      É claro, há sim mercado para as pás-carregadeiras de esteiras, afinal, há frentes de trabalho onde uma escavadeira hidráulica não cabe, uma carregadeira de pneus também não é indicada e muito menos retroescavadeiras ou minicarregadeiras. O grande problema é que este tipo de trabalho está cada vez mais escasso e muitas vezes, devido ao alto custo horário das pás-carregadeiras de esteiras, muitos preferem substituí-la por 2 ou 3 minicarregadeiras com esteiras acompanhadas ou não por miniescavadeiras.

      Outra questão é quem irá operar. Você tem experiência? Tem um bom operador? Apesar de parecerem extremamente resistentes e duráveis, assim como qualquer equipamento, as pás-carregadeiras de esteiras têm suas peculiaridades e pontos fracos. Trabalhar com elas em meio à entulhos, por exemplo, é um grande risco quando não supervisionada. Se alguma barra de ferro de construção ou um simples arame enrolar na roda motriz, poderá danificar os retentores (espelhos), vazar óleo e fazem o conjunto de coroa e pinhão laterais trabalharem secos e estragarem.

      Além disso, trancos e impactos com solos rochosos ou concreto também podem fazer o equipamento quebrar, afinal, não há pneus ou componentes de borracha na parte rodante para absorver o impacto, que é transferido diretamente para os componentes como cubos, eixos, etc., além de que a entrada de pedregulhos na roda motriz, que fica em constante movimento, poderá também causar grandes danos à mecânica da pá-carregadeira.

      Entendo um pouco pois meu pai possui uma Pá-carregadeira Caterpillar 941 há 30 anos e é seu xodó, porém, está cada dia mais difícil alugá-la pelo preço que vale de acordo com sua produtividade. Porém, ele não a vende por nada pois para trabalhar na empreitada seu custo x benefício é excelente, maaas, é ele mesmo que opera, ou seja, muito cuidado e carinho com a “Catarina”, como ele costuma chamá-la, hehe.

      Quanto à peças, diferente de muitos equipamentos importados vendidos atualmente (tanto 941 quanto 955 são importadas, geralmente fabricadas nos EUA, Europa e Japão), é extremamente fácil encontrar peças de reposição e os preços são muito interessantes se considerarmos a durabilidade, principalmente dos produtos originais.

      Eu recomendaria você a estudar seu mercado, ver se há procura para este equipamento e verificar se terá um bom profissional para operá-la. Se tiver mercado, sugeriria fugir de modelos como 955K, 955H, 955L e 951B da Caterpillar. As pás-carregadeiras de esteiras Caterpillar 955K e 955H são muito antigas e de difícil manutenção devido à ausência de peças. A CAT 955L é um monstro de força e produtividade, porém, consome mais combustível (cerca de 230 litros de diesel / dia) e o preço das peças é muito elevado. A 951B nada mais é do que uma 941B com rodante de 955L (e motor turbo se não me engano), ou seja, você terá uma produtividade muito próxima da 941 com muito mais despesas. Por final, a melhor destas é a 941A e 941B, sendo esta última mais moderna e ligeira, embora a 941A tenha mais força. Peças para ambas são de fácil localização. Não recomendo os modelos menores 933 e 931 pois são muito frágeis e de difícil manutenção por falta de peças.

      Como disse antes, analise melhor seu mercado e veja o que é necessário e quais equipamentos são mais procurados por seus clientes. De forma bem superficial, as máquinas que recomendaria seriam escavadeiras hidráulicas de 20 toneladas (as mais procuradas) e de 15 toneladas, sempre dando preferência para nacionais, e em último caso, miniescavadeiras de 5 a 8 toneladas. Não recomendo investir em equipamentos muito pequenos como minicarregadeiras e miniescavadeiras de menos de 5 toneladas. O investimento é alto, o preço de manutenção (por serem importadas) é alta e o preço horário que você vai conseguir pegar é baixo devido à alta concorrência.

      Espero ter ajudado… fique à vontade para postar novos comentários 😉

  • Bruno souza

    Já tive oportunidade de trabalhar com carregadeiras de esteiras. definitivamente, o que mais chama a atenção é a alta produtividade em relação as de rodas. as 941b trabalhavam bastante, tinham a produção horária praticamente a mesma das 950H.

    • Leandro

      Segundo relatos do pessoal da Umarizal Locação e Terraplenagem, que possuem até hoje uma Pá-carregadeira de Esteiras Caterpillar 941A, o modelo foi o mais aceito nas empresas de terraplenagem, sendo quase que um coringa, presente na maioria das obras por seu ótimo custo x benefício, elevada força e tamanho reduzido. O pessoal da Umarizal, mais precisamente o Sr. Humberto, um dos sócios, foi operador de vários modelos de pás-carregadeiras de esteiras da marca Caterpillar, além das 941A e 941B, como as 933, 951B, 955H, 955K e 955L, sendo a última o supra sumo das pás-carregadeiras de esteiras no Brasil, porém, ainda segundo o Sr. Humberto, perderam mercado devido ao alto custo de manutenção da parte rodante que possui desgaste elevado em menor período de tempo em relação as escavadeiras hidráulicas, que ao longo dos anos vêm substituindo as pás-carregadeiras de esteiras.

      Uma curiosidade é que lá fora, nos E.U.A. por exemplo, foram lançadas até Pás-carregadeiras de Esteiras com Retroescavadeira, como este modelo de 931B, vejam:
      Caterpillar 931B com Retroescavadeira

      Muito interessante, não?

    • Tenho uma se tiver alguem interessado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + 7 =

Siga-nos
FanPage do Terraplenagem.Net no FacebookPágina do Terraplenagem.Net no Google Plus!Twitter do Terraplenagem.NetAtualizações do Terraplenagem.Net / Feed RSS
Conteúdo
Conheça também
Comprar e Vender Imóveis Guia da Obra Construção Civil Business Escavadeira . Net Retroescavadeira . Net